Dor de Cabeça

Dor de Cabeça – 15 Sinais de Alerta na Dor de Cabeça


Se você quiser saber quais são os principais Sinais de Alerta que você tem que ficar na mente no caso de uma Dor de Cabeça, fique até o final deste artigo que o Dr. Willian Rezende do Carmo, médico neurologista, fundador da Clínica Regenerati e que no seu canal do YouTube fala sobre Dor, Sono, Parkinson e Emoções, vai abordar sobre isso hoje.

Dor de Cabeça é Considerada uma Dor Comum

A dor de cabeça é considerada uma dor comum e de fato é. Mas, ela pode ter algumas causas que têm que ser avaliadas no Pronto-Socorro, especialmente por médicos neurologistas, de maneira urgente. São causas que levam a consequências graves caso não sejam tratadas imediatamente.

No artigo de hoje, vou falar de uma maneira bem sucinta e simples para gravar quais são os principais elementos que a pessoa tem que ter em mente de que se está tendo uma dor de cabeça, deve ir ao Pronto-Socorro, buscar uma ajuda especializada e fazer os exames.

Sintomas Sistêmicos, Incluindo Febre

O primeiro sinal de alarme são os sintomas sistêmicos, incluindo febre. O que é isso? A pessoa que está ficando muito magra, extremamente prostrada e especialmente com febre e dor de cabeça, é um sinal de alarme e tem que ir ao Pronto-Socorro.

Classifique a sua dor de cabeça
Está com dores de cabeça e não sabe o que pode ser ? Faça o nosso teste neurológico para te ajudar a classificar a sua dor de cabeça.

História de Neoplasias

Se o indivíduo tem também uma história de algum câncer, de alguma neoplasia no corpo, que já tratou ou está em tratamento, e apresenta dor de cabeça, também é um sinal de alerta. Sim, infelizmente, pode ser uma metástase para o cérebro ou até mesmo no líquor, na meninge.

Déficit Neurológico – Incluindo Diminuição da Consciência

Outro sinal de alerta é o déficit neurológico. Déficit neurológico é quando alguma função neurológica normal não está funcionando perfeitamente, como a capacidade motora, de mexer o braço, a perna, a fala, a linguagem, o movimento do rosto – se entorta –, a sensibilidade, a visão, o equilíbrio, a capacidade de raciocínio, se até mesmo a pessoa não está conseguindo ficar alerta ou bem acordada, e está com dor de cabeça, ficando muito sonolenta, isso também é um sinal de alerta.

Início Repentino ou Abrupto

Caso a dor de cabeça venha de início súbito e abrupto: a pessoa está tranquila e vem uma dor de cabeça que se instala de uma maneira muito repentina, muita abrupta, isso é um sinal de alerta.

Aprenda como tratar a dor de cabeça aguda
Está com fortes dores de cabeça e não sabe o que fazer? Baixe o e-book e aprenda a reconhecer os sintomas e realizar os primeiros tratamentos.

Idade Avançada – Início Após os 50 Anos

Quando a dor de cabeça começa especialmente após os 50 anos de idade, tem que ficar de olho. O idoso, especialmente quanto mais idoso, não é comum ter dor de cabeça, especialmente se ela é uma dor de cabeça nova para esse paciente.

Mudança de Padrão ou Início Recente de uma Nova Dor de Cabeça

Outro sinal de alerta é a mudança no padrão da dor ou um início recente de uma nova dor de cabeça. Isso é muito importante, por exemplo, a pessoa sempre tem aquela enxaqueca que já conhece, vem a dor, dá um encontro com a claridade, com um barulho, etc. Em seguida, a dor muda o padrão: agora está vindo de outra região e de uma maneira muito mais intensa, constante e diferente; isso é um sinal de alerta sim.

Mesmo que tenha mudado o padrão da dor ou mesmo que seja parecida, mas de uma intensidade diferente e em uma nova localização, isso é uma mudança de padrão. Ou então, se surgiu uma nova dor, o indivíduo não tinha dor nenhuma e tem uma dor de cabeça nova, justifica-se a avaliação.

Vença a dor de cabeça de uma vez por todas
Tem dores de cabeça frequentes que não passam nem com ajuda de remédios? Não perca tempo, agende uma consulta na Clínica Regenerati

Sinais de Alerta na Dor de Cabeça

Dor de Cabeça Posicional

Outro sinal de alerta é a dor de cabeça relacionada à posição. Por exemplo, a pessoa tem dor de cabeça só quando fica de pé: se deita, não tem dor; ou o contrário: se está deitada, ela tem dor de cabeça, se fica de pé, melhora. Isso é um sinal de alerta. Ou até mesmo se abaixa a cabeça e fica com ela baixa e a dor piora, isso também é um sinal de alerta – e se ela não tinha isso antes.

E você que está lendo o artigo, escreva nos comentários qual é a sua dúvida do que possa ser um sinal de alarme para você e o que está achando disso que eu estou passando, que são os principais sinais de alarmes clínicos que o paciente tem que saber e o médico também.

Papiledema

Esse sinal clínico agora que eu vou falar tem que ser visto pelo médico (o paciente não consegue ver): o papiledema, que é um edema no fundo do olho, mas o paciente percebe como uma visão muito alterada. Não é um escotoma e nem uma visão um pouco borrada; a pessoa fica com a visão muito alterada e o médico pode ver no fundo um edema do disco óptico.

Dor de Cabeça Progressiva e Apresentações Atípicas

Outro sinal de alerta é a dor de cabeça com apresentações atípicas. Dor de cabeça progressiva é a dor que começou, está crescendo, aumentando e ficando incapacitante. Isso é um sinal de alerta; não é para a pessoa ficar em casa querendo tomar mais e mais remédios.

Especialmente se a dor também começa a ter apresentações atípicas: a pessoa está tendo a dor que cresce e vem com uma dor associada nos olhos ou para outras regiões; ela vai crescendo na cabeça e começa a virar em trovoadas, por exemplo; se é uma dor progressiva e está tendo apresentações atípicas, é um sinal de alerta.

Gravidez ou Puerpério

Outro sinal de alerta é a dor de cabeça que surge durante a gravidez ou no puerpério. As dores de cabeça no período pós-parto e especialmente na gestação após 20 semanas, normalmente tem que ter um sinal de alerta; só pode ficar tranquilo se for uma dor de cabeça leve e extremamente habitual da paciente.

Olho Dolorido com Características Autônomas

A dor que vem com o olho dolorido e que fica inchado, lacrimejando ou aquela dor que vai afetando ambos os olhos, que a pessoa não consegue mexê-los. Especialmente se o olho fica inchado, lacrimejando e vermelho junto da dor de cabeça, é outro sinal de alerta.

Início Pós-Traumático de Dor de Cabeça

Sinal de alerta é a dor de cabeça após traumas, tanto em jovens, quanto nos idosos que tenham batido a cabeça por qualquer motivo. Depois de ter batido a cabeça, mesmo que não seja de imediato, e surgir uma dor de cabeça, isso é um sinal de alarme.

Patologias do Sistema Imunológico, Como HIV

Doenças do sistema imune, patologias do sistema imune, como, por exemplo, HIV, que causam uma imunodeficiência, como a pessoa tomar medicamento que faça o sistema imune ficar debilitado – como alguns medicamentos imunossupressores –, e ter dor cabeça, é um sinal de alarme.

Uso Excessivo de Analgésico ou Novo Medicamento no Início da Dor de Cabeça

E também tem a questão dos medicamentos, em que o principal sinal de alarme é o abuso de analgésicos – que a pessoa possa estar os utilizando de maneira excessiva – ou que tenha entrado um novo medicamento no uso rotineiro do paciente, e iniciado a dor de cabeça após o uso desse novo medicamento; comum, por exemplo, com estatinas.

Esses são os principais sinais de alarme e eu vou repeti-los de maneira sucinta: sintomas sistêmicos, como febre; história de câncer – neoplasia –; déficits neurológicos, como dificuldade de mexer alguma coisa, nível de consciência.

O início repentino e abrupto da dor; dor de cabeça após os 50 anos de idade; mudança no padrão da dor; dor de cabeça que modifica com a posição do corpo, que é precipitada por espirros, tosses e exercícios, e que tenha alteração da visão de uma maneira extremamente importante.

Dor de cabeça que vai piorando progressivamente de uma maneira atípica e durante a gestação: na segunda etapa da gestação e no puerpério; olho dolorido e com inchaço, lacrimejamento e vermelho. Dor de cabeça após traumas na cabeça, associada às deficiências do sistema imune, como HIV, e aos medicamentos, como uso excessivo de medicamentos ou novos medicamentos.

E você que conhece pessoas que tenham dores de cabeça, envie o link deste artigo para elas para que conheçam o que pode ser um sinal de alarme de dor de cabeça. Na verdade, até para quem não têm dor de cabeça, para saberem, caso eventualmente tenham uma dor, o que é um sinal de alarme que justifica buscar um médico ou um Pronto-Socorro para uma avaliação mais detalhada dessa dor de cabeça.

E se você gostou do artigo, dê aquele like, dê aquele joia, e compartilhe, pois conhecimento, quanto mais compartilhado, melhor para todos.

Assista também ao nosso vídeo, para aprender mais:

Mais Informações sobre este assunto na Internet:

Sobre o Autor:
Willian Rezende do Carmo

CRM: 160.140
RQE: 50.546

Fundador da clínica Regenerati. Médico do Sirio Libanes, BP Mirante e Hospital Alemão Oswaldo Cruz. Neurologista especializado em dor, sono e disturbio do movimento (Parkinson e tremor).








Gostou do artigo? Deixe o seu comentário:

Todos os utilizadores da plataforma se comprometem a divulgar apenas informações verdadeiras. Não é permitida publicidade (links, banners, etc) na plataforma. O público pode realizar comentários, alterar ou apagar o mesmo. Os comentários são visíveis a todos.

Entre em contato pelo WhatsApp! (11) 96581-5547
Porquê vale a pena um médico particular ?
Porquê fazer um exame no particular ?