Clínica Multi Serviços

Endereço:

Av Ibirapuera, 2907 -Conjunto 1618 - Moema - SP

Microcefalia: Saiba Mais Sobre A Doença

Microcefalia: Saiba Mais Sobre A Doença

Microcefalia: Saiba Mais Sobre A Doença

Microcefalia: Saiba Mais Sobre A Doença

Microcefalia é o comprometimento do desenvolvimento normal do cérebro levando a uma circunferência encefálica menor que a esperada para idade.

Causas

Elas podem ser várias, infecciosas ou não.

Causas não Infecciosas:

  • Malformações do sistema nervoso central
  • Exposição da mãe a certos produtos como bebidas alcoólicas ou outras drogas, produtos químicos, etc.
  • Doenças maternas como a fenilcetonúria (doença genética que impede o metabolismo de vários alimentos causando alterações neurológicas, psicológicas, entre outras)
  • Diminuição do oxigênio para o cérebro fetal durante sua formação ou durante o trabalho de parto (isso pode ocorrer por um problema na placenta, canal estreito para a passagem do bebê durante o trabalho de parto, etc)
  • Doenças congênitas como Síndrome de Down, rins policísticos, atresia biliar, falência renal
  • Infartos ou sangramentos dentro do cérebro do bebê
  • Traumas
  • Desnutrição severa,

Causas Infecciosas:

  • Infecções congênitas. São infecções que a mãe pode ter durante a gestação, especialmente durante os 3 primeiros meses e que passam para o bebê através da placenta: vírus ZikaToxoplamoseSífilis, Rubéola, Citomegalovirus, Herpes simples, Varicela.
  • Meningites que podem acometer os bebês após o nascimento.

Diagnóstico:

A microcefalia pode ser diagnosticada durante a gestação com ultrassom seriado, ou após o nascimento com a avaliações físicas e exames de neuroimagem.

Existem tabelas com os valores de circunferência encefálica considerados normais para a idade. O médico mede a circunferência encefálica pelo ultrassom, antes do nascimento, ou após o nascimento com uma fita métrica simples. Ele então compara a idade gestacional do feto ou idade do bebê com os valores da tabela. Se o valor encontrado estiver abaixo de dois valores padrão do normal para idade, está feito o diagnóstico de microcefalia.

Complicações:

Crianças com microcefalia podem apresentar diversas alterações como: pouco desenvolvimento intelectual, atraso no desenvolvimento motor (como andar) ou da fala, baixa estatura, má coordenação motora, outras doenças neurológicas associadas como epilepsia, alterações do rosto. Dependendo da causa da microcefalia pode apresentar outra série de complicações ou outras malformações que fazem parte da doença ou síndrome como um todo.

Tratamento:

Infelizmente ainda não existe tratamento para microcefalia, independentemente de sua causa. O que existe são medidas de estímulos precoce e fisioterapias para melhorar o desenvolvimento da criança no que for possível.

A principal estratégia é a prevenção. Prevenção contra o vírus Zika, realização dos exames sorológicos durante o pré-natal, mesmo sem existir qualquer sintoma para o tratamento precoce das infecções, Evitar o consumo de álcool e outras drogas durante a gestação, garantir uma alimentação saudável, realizar o acompanhamento médico periódico.

Prevenção:

  • Realização de um pré-natal adequado
  • Realizar as sorologias para as infecções durante o pré-natal e tratar nos casos indicados.
  • Nos casos de doenças sexualmente transmissíveis como a Sífilis, o parceiro também deve realizar o tratamento, mesmo se não tiver sintomas, caso contrario, a mãe volta a se infectar,
  • Não fazer uso de bebida alcoólica ou outras drogas durante a gestação.
  • Se alimentar bem com uma dieta saudável.
  • Cuidados específicos para evitar o contato com a toxoplasmose, caso na sorologia não conste contato antes da gestação.
  • Prevenção contra o mosquito.

 

Última Revisão deste texto: 24 de junho de 2018 as 21:20

Por Dra Keilla Freitas

Link Original: https://www.drakeillafreitas.com.br/microcefalia-saiba-mais-sobre-doenca/

>